7 mudanças na alimentação que você precisa fazer para ser uma pessoa mais saudável!

1- Abusar dos vegetais em suas refeições diárias

Abusar dos vegetais

O consumo dos vegetais são essenciais para uma alimentação saudável, isso porque esses alimentos contêm nutrientes como fibras, vitaminas e minerais, que são fundamentais para as funções vitais do corpo.

Você sabia que as cores dos vegetais dizem muito sobre eles?

Sim, isso mesmo! Isso porque elas indicam a variedade nutricional e os benefícios que podemos adquirir ingerindo-os.

A ciência nutricional divide alguns grupos de cores para distinguir os benefícios dos vegetais. são eles: Verde, laranja, vermelho, violeta (ou roxo) e branco.

Os vegetais vermelhos, por exemplo, como o pimentão e tomate são ricos em licopeno, uma substância que age como um poderoso antioxidante que previne alguns tipos de câncer.

Já os vegetais de cor laranja, como a abóbora e cenoura possuem grande quantidade de betacaroteno e vitamina C, que fortalecem o sistema imunológico.

Os vegetais de cor branca, como a couve-flor, alho e cebola possuem uma alta concentração de cálcio, que são essenciais para dentes e ossos, metabolismo e para o funcionamento do sistema nervoso e dos músculos, além de ajudar na regulação dos batimentos cardíacos.

Já os vegetais de cor verde, como o brócolis, rúcula, alface, espinafre e pimentão são vegetais ricos em clorofila, fibras, luteína, vitaminas A, B5, B9, B12, C e K. Todos esses nutrientes são muito importante em uma alimentação saudável, além de serem cruciais para quem busca emagrecer de forma natural.

E os vegetais de cor violeta ou roxo, são ricos em ferro e vitamina B1. Esses vegetais são responsáveis por retardar o envelhecimento das células, auxiliando na preservação da memória e na saúde do coração. Os vegetais que ser enquadram nesse grupo é a berinjela, cebola roxa, beterraba e repolho roxo.

2- Trocar o óleo de cozinha tradicional pelo óleo de coco

Óleo de coco

O óleo de coco é um alimento muito versátil e nutritivo, ele pode muito bem ser o substituto do tradicional óleo de cozinha.

O motivo é que o óleo de coco possui gorduras saudáveis de fácil digestão.

Isso porque a maior parte das gorduras que consumimos demoram mais para serem digeridas, mas os ácidos graxos encontrados no óleo de coco são mais fáceis de digerir, não são prontamente armazenados como gordura, são antimicrobianos e antifúngicos e permitem uma permeabilidade celular mais fácil para energia imediata.

Além disso, o que faz o óleo de coco ser ótimo para cozinhar é seu fácil armazenamento e maior durabilidade. O óleo de coco costuma ser sólido à temperatura ambiente e pode ser armazenado de forma segura e fácil por muito tempo.

O óleo de coco para cozinhar incluem efeitos estimulantes da tireoide, as propriedades antienvelhecimento, diminuição dos níveis de colesterol LDL, propriedades antibacterianas, antimicrobianas, antivirais e antifúngicas que previnem doenças, efeitos anticâncer e contribuição para a perda de peso.

Leia também:

Gengibre: porque devemos consumi-lo?

Você conhecer os benefícios do ginkgo biloba?

3- Beber água

Para ter uma alimentação saudável é preciso beber muita água.

Afinal, beber água possui diversos benefícios para a saúde. Seu consumo pode ajudar no processo de emagrecimento, além de ser fundamental para diversos processos no organismo, como regulação da temperatura corporal e melhora da digestão.

Para ter todos os benefícios da água, deve-se ingerir 1 a 2 litros de água por dia, que não devem ser substituídos por sucos ou refrigerantes.

Se você tem dificuldade para ingerir água, assista o vídeo abaixo:

4- Incluir uma fruta como sobremesa no almoço e janta

Incluir uma fruta como sobremesa

A fruta é um alimento de uma riqueza nutricional indiscutível, elas são ricas em fibras, vitaminas e água. As fibras das frutas reduzem o risco de doenças cardiovasculares, diabetes mellitus tipo II, cancro colo-rectal e melhoria do trânsito intestinal.

E incluir uma fruta após a refeição pode ser uma mudança muito positiva. Isso porque a refeição deve ser considerada finalizada com a sobremesa mais saudável que existe.

Além disso, a fruta contribui para a redução de apetite por doce e evita que você recorra a sobremesas calóricas no final da refeição, o que pode facilita o ganho de peso.

5- Diminuir o consumo de sódio

Sódio

O sódio é um mineral importante para nossa saúde. Entretanto, em excesso pode trazer sérios problemas de saúde.

A principal função do sódio é equilibrar a quantidade de água no organismo, juntamente com o potássio. Enquanto o sódio retém os líquidos, o potássio provoca a excreção, de modo que as células fiquem com a quantidade certa de água.

O consumo correto do sódio pode trazer muitos benefícios a saúde. Ele por exemplo, participa do fornecimento de energia para o organismo. Isto porque ele age no metabolismo de carboidratos, proteínas e gorduras, transformando estes macronutrientes em energia para o corpo.

O sódio também participa do processo de contrações musculares. Assim, a ausência deste mineral leva a uma fraqueza muscular.

Mas o excesso de sódio pode causar uma série de problemas de saúde como a hipertensão. O motivo é porque o mineral leva a grande quantidade de água no organismo, que aumentará a quantidade de sangue para os tecidos.

Com mais sangues as artérias e veias se dilatam, aumentando de diâmetro, causando o aumento da pressão arterial.

Com o aumento da quantidade de sangue, aumenta também o trabalho do coração. Afinal, é ele que terá que bombear o volume extra. Com o tempo, tanto esforço irá resultar em problemas cardíacos.

6- Consumir na janta alimentos que favorecem o sono

Alimentos que favorecem o sono

O sono é muito importante para a nossa saúde. Ele ajuda a fortalecer a capacidade do organismo para combater infecções, melhora nosso sistema imunológico a ficar mais forte, principalmente em situações de estresse.

Por isso, incluir na janta alimentos que favorecem o sono é uma ótima estratégia para dormir bem.

No geral, existe uma substância que favorece o trabalho do nosso corpo em restabelecer o equilíbrio durante a noite: o triptofano.

O triptofano aumenta a produção da serotonina, que é uma substância conhecida como o hormônio do bom humor, que tem poder sedativo e ajuda a induzir e melhorar o sono.

Os alimentos ricos em triptofano são os alimentos ricos em proteína como carne, peixe, ovo ou leite e derivados.

Além do triptofano, existem outros alimentos que contêm vitaminas e minerais importantes para o sono, como a vitamina B6, vitamina C e magnésio.

A lista abaixo são de alimentos que favorecem uma boa noite de sono:

  • Cenoura;
  • Kiwi;
  • Ervilha;
  • Azeite;
  • Espinafre;
  • Atum;
  • Banana;
  • Acerola;
  • Laranja;
  • Limão;
  • Melão;
  • Tangerina;
  • Alho;
  • Ameixa seca;
  • Melancia;
  • Morango;
  • Nozes;
  • Acelga.

7- Consumir ervas medicinais

Ervas medicinais

O uso de ervas medicinais podem ser um ótimo complemento para combater doenças e fortalecer o sistema imunológico contra infecções, gripes e resfriados.

A erva cidreira, por exemplo, alivia dores de cabeça e gases intestinais, a cidreira também é sedativa, analgésica, calmante, diurética, hipotensora, depurativa e expectorante.

A marapuama é uma erva estimulante que combate o cansaço e ajuda no tratamento da depressão nervosa.

Já o ginseng tem um efeito revitalizante que combate o estresse e melhora a circulação sanguínea. Além disso o ginseng estimula às funções sexuais, melhorando o desempenho na cama.

O boldo é uma erva que pode curar a ressaca e combater a prisão de ventre. Além disso, tem contém propriedades que ajudam na queima de gorduras e a tratar transtornos do fígado.

Para os que buscam um calmante natural, a camomila pode ser excelente. A camomila também alivia enxaqueca, diminui dores do dente, alivia enjoos, tonifica a pele e reduz febres intermitentes.

A lista abaixo são de mais ervas medicinais que você pode estar incluindo em sua alimentação:

  • Erva doce;
  • Porangaba;
  • Carqueja;
  • Marcela do Campo;
  • Hibisco;
  • Hortelã;
  • Canela;
  • Chá preto;
  • Chá verde.

Gengibre: porque devemos consumi-lo?

Benefícios do gengibre

O gengibre está entre os alimentos mais saudáveis do mundo.

Com um sabor picante e apimentado e a sua extensa lista de benefícios para a saúde, a raiz de gengibre é igualmente deliciosa e nutritiva.

O gengibre pode ser utilizado no tratamento de problemas circulatórios, resfriados ou inflamações, como dor de garganta.

Benefícios

Entre os principais benefícios do gengibre é ajudar no emagrecimento. Isso é possível porque o alimento é termogênico que aumenta a temperatura corporal e faz acelerar o metabolismo o que favorece a queima de calorias.

O gengibre também pode te auxiliar no aumento da libido já que seu consumo aumenta o fluxo de sangue dos órgãos genitais, aumentando o desejo sexual e faz com que você tenha um melhor desempenho na cama.

Um dos principais nutrientes do gengibre é o gingerol. Esse nutriente contém propriedades antioxidantes, anti-inflamatórias e antimicrobianas que protegem o organismo. É o gingerol que dá o sabor picante do gengibre.

Outra razão de consumir o gengibre é que ele pode ser muito eficaz contra a náusea e vômitos.

Gengibre pode proteger o estômago contra as úlcerasAlém disso, seu consumo também pode proteger o estômago contra as úlceras porque ajuda no combate à bactéria H. pylori, principal causadora de gastrite e úlceras estomacais.

O gengibre também pode prevenir o câncer de estômago, que na maior parte dos casos está ligado a alterações nas células provocadas pela úlcera.

O gengibre é bastante utilizado para combater azia e gases intestinais, devendo ser consumido principalmente na forma de chá para obter esse benefício. Basicamente, esse chá é feito na proporção de 1 colher de gengibre para cada 1 xícara de água.

Com sua riqueza de antioxidantes e potentes propriedades anti-inflamatórias fazem o gengibre desempenhar um papel importante na saúde do cérebro. Muitos estudos já comprovaram que o gengibre pode proteger contra o envelhecimento cerebral e o declínio cognitivo.

Receitas com gengibre

A utilização do gengibre pode ser feita através de chá ou até mesmo acrescentar o alimento em sucos e receitas.

Veja o vídeo abaixo para saber como fazer o chá de gengibre:

Selecionei também, 3 ótimas receitas de sucos com gengibre que podem ser consumidas por qualquer pessoa. Veja:

Suco 1

Ingredientes: 1 copo de água de coco, gengibre em pó, 1 folha de rúcula e hortelã a gosto.

Suco 2

Ingredientes: 1 copo de água gelada, gengibre em pó, 2 folhas de couve, 2 laranjas e hortelã a gosto.

Suco 3

Ingredientes: 1 copo de água gelada, gengibre em pó, 1 folha de couve, 3 talos de espinafre, 2 laranjas, 1 limão e hortelã a gosto.

Como ser um homem bom de cama?

Muitos homens acreditam que para ser um homem bom de cama é necessário ter um pênis grande e durar mais na cama.

Entretanto, o que define a performance do homem no sexo não são apenas os órgãos sexuais, mas principalmente a forma como ele lida com a mulher na cama, como ele se relaciona com sua parceira e como ele enxerga o sexo.

Se você é um homem que precisa melhorar seu rendimento na cama, não se preocupe. Pois um homem bom de cama não tem nenhum super poder, ele apenas se permite mais, sabe o que quer e não tem limites para chegar lá.

Isso significa que um homem bom de cama não é um homem diferente dos outros, ele não tem nenhum atributo mágico. O que ele tem é boa vontade de fazer acontecer, curiosidade e uma naturalidade maior para lidar com o seu corpo e o corpo da sua parceira.

A boa notícia é que separei algumas dicas simples para você melhorar seu sexo e além disso melhorar seu desempenho físico na cama.

Esqueça os remédios!

Esqueça os remédios

Infelizmente, muitos homens buscam remédios para melhorar o desempenho sexual, sendo que é possível fazer isso naturalmente, sem o uso de medicamentos como o Viagra azulzinho que é mundialmente conhecido.

Uma coisa importante que você precisa saber é que para melhorar seu desempenho sexual você precisa ter uma alimentação equilibrada e fazer atividade física regulamente.

No geral, uma alimentação equilibrada precisa ser rica em proteínas, fibras e carboidratos do bem.

Além disso, uma alimentação equilibrada deve ter os famosos alimentos afrodisíacos que aumentam a libido, energia e disposição sexual.Esses alimentos são a canela, ginkgo biloba, gengibre, banana, morango, melancia, frutos do mar, aipo, alecrim, amendoim, alho, aspargo, mel, cacau, pimenta, abacate e romã.

No caso da atividade física não tem segredo, basta fazer regularmente que você melhorará seu rendimento sexual. Uma dica legal é fazer exercícios que trabalham o braço e a região inferior como as pernas. Dessa forma, você conseguirá fazer mais posições sem sofrer tanto.

Preliminares é obrigatório!

Para ser um homem bom de cama é preciso fazer as preliminares

Nós homens precisamos ter em mente que as preliminares é muito importante para a mulher e para o sexo em geral.

Diferente do homem que se excita rapidamente, a mulher leva mais tempo e sua vagina precisa estar totalmente lubrificada para a penetração. Sem uma lubrificação necessária a penetração será uma sessão de tortura para ela.

Além disso, com as preliminares a mulher ficará muito mais excitada e com isso cresce a chance dela gozar rápido o que é um baita feito para o homem.

Por isso, faça oral sem drama! :p

Afinal, as mulheres gostam quando um cara toma a iniciativa para fazer sexo oral nelas sem nojinho e sem elas terem que pedir antes.

Veja abaixo como fazer um ótimo sexo oral nela:

Se preocupe com o prazer dela!

Foque no prazer dela para ser bom de cama

Muitos homens focam em seu rendimento e performance em vez de focar no prazer dela.

Por isso, você precisa ter em mente que o sexo que está rolando é dos dois e não só seu.

O que você precisa focar é em dar prazer à sua parceira, experimentar coisas novas e explorar lugares diferentes são o primeiro passo para encontrar novas maneiras de dar prazer a ela.

Exatamente por isso, você precisa prestar atenção nas reações dela. Se ela estiver gemendo mais alto ou respirando mais ofegante, é sinal de que ela está gostando. Prestar atenção nesses tipos de reações garantirá que você faça somente aquilo que é melhor para a sua parceira.

E saber os pontos de prazer da mulher é o seu dever!

E pontos de prazer não é apenas os seios, vagina, boca e bumbum. Qualquer parte do corpo vale quando o assunto é prazer, mas as zonas erógenas são pontos especiais que multiplicam a sensação prazerosa e te deixam em ponto de bala.

Cada mulher pode ter zonas erógenas diferentes. Entretanto, a maioria das mulheres tem como zonas erógenas a orelha, parte interna da coxa, nuca, pescoço, abdômen, umbigo, pés, além dos tradicionais: seios, bumbum, vagina e clitóris.

Por isso, saber as zonas erógenas de sua parceira é essencial para o prazer dela e para o seu também.

Se você não sabe, uma dica é prestar atenção nas reações dela. Com isso, explore todo o corpo dela e preste atenção em suas reações.

Você conhecer os benefícios do ginkgo biloba?

Ginkgo biloba

Eu como macho alfa preciso te dizer:

Você precisa colocar o ginkgo biloba em sua alimentação!

Caso você não sabe o que e nem sabe seus benefícios, continue lendo esse conteúdo…

Ginkgo biloba é uma árvore de origem asiática que conta com folhas de onde são extraídos seus princípios ativos benéficos.

E apesar de ser uma árvore de origem oriental, hoje ela está presente em todo o mundo, inclusive no Brasil.

Suas folhas trazem benefícios principalmente para o cérebro e coração. Ela melhora do fluxo sanguíneo arterial, controla a pressão arterial e melhora a concentração e memória.

Os principais nutrientes presentes no ginkgo biloba são os terpenóides e os bioflavonóides. Ambas as substâncias possuem ação antioxidante que previnem o envelhecimento precoce.

Benefícios

Melhora o fluxo sanguíneo

Um dos principais benefícios dessa planta é melhorar o fluxo sanguíneo. Dessa forma, a pressão arterial tem tendência para diminuir, especialmente em pessoas com pressão alta.

Além disso, com o fluxo sanguíneo aumentando cresce a capacidade do pênis manter a relação por mais tempo e melhora os níveis das ereções.

Para o homem que deseja saber como engrossar o pênis consumir ginkgo biloba é uma ótima alternativa justamente por aumentar o fluxo sanguíneo o que deixa o pênis mais ereto e grosso.

Melhora a saúde do coração

Além de diminuir a pressão arterial, o Ginkgo também pode evitar a formação de coágulos sanguíneos.

Além disso, como existe menor risco de ter coágulos, também existem menos chances de sofrer um infarto, por exemplo.

Melhora a saúde cerebral

Por contribuir para a melhor circulação em todo o organismo, o fluxo de sangue para o cérebro também ficará maior.

Seu consumo regular pode melhorar o processamento cognitivo, além da habilidade geral da memória. Portanto, o ginkgo biloba pode ser um importante aliado para promover um maior desempenho da memória.

Previne o Mal de Alzheimer

Devido melhorar a saúde mental e aumentar o fluxo sanguíneo para o cérebro faz o ginkgo biloba ser um ótimo aliado contra o Mal de Alzheimer. Além disso, seu consumo também pode prevenir a falta de memória.

Auxilia contra o estresse e depressão

Recentes estudos demonstraram que o consumo de ginkgo biloba também pode ser um ótimo aliado contra o estresse e depressão.

Nesses estudos percebeu-se que os nutrientes e substâncias da planta pode ser uma grande aliada em tratamentos de depressão, transtornos de ansiedade, síndrome do pânico, e outras doenças que causam problemas a saúde mental do nosso corpo.

Existem algum efeito colateral?

Infelizmente, nem tudo são flores. É possível ter alguns efeitos colaterais com o consumo dessa planta.

Os efeitos colaterais do ginkgo biloba envolve envolvem distúrbios gastrointestinais, como enjoos, gastrite e dores de cabeça. Além disso, pode ocorrer tontura, queda de pressão arterial ou ainda aumento da sensibilidade da pele, causando reações cutâneas.

Entretanto, esses efeitos são menos frequentes. Mesmo assim, sempre tenha um acompanhamento médico para evitar esses efeitos.

Existe alguma contraindicação?

O ginkgo biloba não é orientado para pacientes hemofílicos que é um distúrbio em que o sangue não coagula normalmente. Para saber mais sobre esse transtorno, clique aqui.

A planta também deve ser evitado por pessoas que usam medicamentos anticoagulantes e antiplaquetários.